nossas notícias

Acompanhe as 

A mulher na Concebra

O dia 08 de março é dedicado para honrar as realizações e conquistas das mulheres. Elas enfrentam vários desafios, a igualdade de gênero é um deles. A mulher pode ocupar um cargo de chefia, ser responsável por uma obra, liderar uma equipe de operações ou a função que planejar. A mulher pode estar onde ela quiser.

A Concebra acredita na força da mulher e na diversidade no ambiente de trabalho. Elas representam mais de 38% dos cargos de liderança da empresa. No quadro de funcionários, são mais de 420 mulheres dedicadas às áreas de operação, conservação, arrecadação e administração.

Para homenagear essas mulheres que são na maioria multitarefas, conversamos com algumas que fazem parte desse time:


Sayra Morais, coordenadora de pavimentação, desde a chegada há quase dois anos na Concebra recebeu total apoio na execução das atividades. Para ela, não existe dificuldade em lidar com uma equipe.

“Tudo envolve a questão da nossa postura profissional. Sempre fui bem recebida. As mulheres devem ter determinação, dedicação, autoconfiança, ambição e resiliência para superar os obstáculos”, completa.


Erica Silva é um dos exemplos de desenvolvimento e crescimento profissional que faz parte das ações da área de Pessoas da Triunfo Concebra. Há mais de cinco anos ela passou pelas funções de serviços gerais, secretaria e atualmente é auxiliar administrativa de Conservação.

“Me considero um dos exemplos, a Concebra me deu muitas oportunidades de crescimento em diversas frentes. Me orgulho de ser mulher e fazer parte dessa equipe”, afirma.


Vilma Moraes é a coordenadora de Departamento Pessoal que o novo desafio renovou suas energias e a vontade de fazer a diferença. Está na Concebra há mais de cinco anos. Para ela, a Concebra é uma empresa que não faz distinção de sexo para as funções. “Temos operadora de tráfego, já tivemos operadora de guincho pesado também. Sem contar nos cargos de liderança onde temos mulheres gerenciando várias áreas da empresa como o Jurídico, Financeiro, Comunicação, DP/RH e o Meio Ambiente e Qualidade”, explica.

Ela completa que exercer um cargo de liderança exige muita dedicação e empenho diário na qualificação profissional.

“Acho que um dos principais obstáculos a ser superado é a jornada dupla, as vezes tripla, de conseguir liderar uma equipe com dedicação, ser esposa, dona de casa e ser mãe. Entendo que todas essas atividades a maioria das mulheres fazem com prazer, mas isso não faz com que a jornada não seja árdua e cansativa”.


A Cláudia Bento representa as mulheres de operações. Iniciou sua trajetória em 2014 como líder de balança e hoje é supervisora de operações.

As oportunidades trouxeram novos desafios, reconhecimento e gratidão.

“Às mulheres devemos sempre ter força de vontade para crescer, aprender novas atividades e aceitar as oportunidades para conquistar os cargos de liderança. Mulheres, somos brilhantes. Sempre dispostas a superar desafios!”, ressalta.

Últimas notícias
Arquivos